Diário de Viagem

Osorno/Frutillar
De Pucón e Villarrica retomamos à Carretera Panamericana e, passando pela cidade de Osorno.
OSORNO: a cidade se espalha pelas margens do rio Rahue, com cerca de 130.000 habitantes. É um ponto estratégico, com acesso a vários locais de interesse turístico. Para o leste a ruta 215 leva a Entre Lagos: Puyehue e Rupanco, lagos belíssimos, o Parque Naciona Puyehuel, vulcão e Centro Termal de Águas Quentes. Para o oeste, cruzando a cordilheira pela ruta 140 atinge-se o Oceano Pacífico, a cidade de Bahia Mansa e o balneário de Maicolpué. Mas nosso objetivo era seguir pela ruta 5 até Frutillar.

FRUTILLAR: às margens do lago Llanquihe e diante do majestoso Vulcão Osorno (2652 metros), ficamos hospedados num pedaço do paraíso, o Hotel Salzburg, onde comemoramos a chegada do ano de 2005 em alto estilo.
A cidade é dotada de bons restaurantes, principalmente de cozinha germânica. Região de extraordinária beleza, nos convida a rodar por todo o entorno do lago, um circuito de 150 km. Passando por Puerto Montt, onde um original mercado oferece grande variedade de artesanato. Nos boxes simples mas higiênicos, como rústicas cantinas, não se pode deixar de provar pratos exóticos como o “loco”, os enormes mexilhões, além de salmão, côngrio rosa e “buenas ensaladas”. Ao lado, uma feira oferece peixes e frutos do mar. Imperdível.
(Talca/Frutillar: 770 km).

Todos os direitos reservados -- LoucosPorNatureza 2005
WebDesigner

EXPEDIÇÃO PATAGÔNIA 2005