Diário de Viagem

Mendoza/Aconcagua

Em direção ao Chile, passamos por estações de esqui como Uspallata e Los Penitentes, desativadas nesse período de verão, mas que exibem charmosos chalés encravados na montanha seca e pedregosa. Subindo a cordilheira, a estrada margeia escarpas de falésias, acompanhando o vau do rio que só se enche com águas de degelo e nessa época torna-se uma enorme canaleta com um fio de água. As montanhas apresentam paredões de rocha de fazer babar os aficionados em escalada. Partindo dos 800 metros acima do nível do mar em Mendoza, atingimos 3.125 em Las Cuevas, junto à fronteira. Mas, sem antes deixar de admirar a beleza de Puente Del Inca, um pequeno vilarejo, no meio da cordilheira, com muitas opções de artesanato regional como agasalhos de alpaca e objetos ornamentais de pedra local, onde nossos reais são preferidos a outras moedas. Ostenta antiga construção de arquitetura Inca, no pé de uma monumental montanha, de onde brota água quente que corre através de um arco natural. Depois, é claro, ingressamos no Parque Nacional do majestoso Aconcágua. Quem deseja escalar o gigante das Américas, tem duas opções: a Face Norte e a Face Sul. A face norte representa o grande desafio para a maioria dos especialistas. A face sul é o desafio que beira o impossível, em razão de suas paredes verticais, o forte vento e as avalanches que já sepultaram muitos aventureiros.
Percorremos um trecho para fotografias, pelo Vale dos Horcones, pois seriam necessários cinco dias de trekking só para alcançar sua base e isso estava definitivamente fora de nossa programação...

 
ACONCÁGUA: A visão da grande montanha tem algo de transcendental e estranho, como se fosse um templo edificado pela própria natureza. Com 6959 metros, é o ponto mais alto do continente americano e a montanha mais alta do mundo fora do Himalaia. Venerada pelos incas que a chamavam de Ackon Cahuak, a Sentinela de Pedra em língua quéchua, hoje representa um desafio para aqueles que se propõem a conquista-lo. E não são poucos os que sucumbem diante de seu poder, ao desafia-lo.
 

Todos os direitos reservados -- LoucosPorNatureza 2005
WebDesigner

EXPEDIÇÃO PATAGÔNIA 2005